Empresas canalhas

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

O mundo não precisa de mais empresas canalhas.

Empresas canalhas padecem de falta de propósito, mentem para o consumidor e não valorizam seus colaboradores.

Escorregam na legalidade e na moralidade, e fazem isso com a desculpa universal do retorno ao acionista.

Uma falácia, pois o hábito de ser canalha, uma vez estabelecido, não poupa ninguém, nem mesmo os acionistas.

Práticas canalhas não geram valor compartilhado, nem se sustentam no longo prazo.

Empresas canalhas sugam toda energia criativa ao redor.

Culturas canalhas são assassinas em série dos sonhos de bons profissionais.

Portanto, meu amigo, não venda sua capacidade, sua potência, nem seu tempo de vida para uma empresa canalha, e, sobretudo, não desperdice estes mesmos recursos para construir uma.

 




Um dos melhores livros sobre gestão, conectada aos valores do século 21 é o Reinventando as Organizações: Um guia para criar organizações inspiradas no próximo estágio da consciência humana do Frederic Laloux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *